Informações e Dicas de Como Proceder para Emitir um Contracheque

Qual o banco certo para você? Antes de abrir uma conta, você deve considerar vários fatores. Faça o teste e veja que banco é melhor para suas necessidades.

Inicialmente, você precisa de que tipo de conta?

Quantos saques você precisa fazer, em média, por mês?

Quantos extratos você imprime, em média, por mês?

Quantas transferências acima de 5000 você precisa fazer por mês?

Você precisa ou gostaria de usar cheques?

Você pensa em financiar um carro nos próximos meses?

Você pensa em comprar uma casa através de crédito imobiliário nos próximos 24 meses?

Qual sua necessidade de falar pessoalmente com um gerente?

Para você, o que é mais importante num banco?

Você compra muitos produtos do exterior?

Você costuma investir dinheiro, como com seguridade privada, ações ou renda fixa?

Com que frequência você não paga o valor integral das suas faturas de cartão de crédito?

Emitir um Contracheque

 

O Contracheque, também conhecido como Holerite, é um demonstrativo impresso dos vencimentos de um trabalhador pertencente tanto ao serviço público como ao privado. Nesse documento deve constar o nome da organização empregadora, o nome do trabalhador e a lista dos proventos e descontos referentes ao mês trabalhado. No rodapé do documento consta a soma dos proventos com os descontos e o total líquido a receber.

O Contracheque é extremamente importante, uma vez que é o principal documento para que o trabalhador consiga comprovar sua renda. É um documento essencial na hora de abrir uma conta no banco, solicitar um empréstimo, um cartão de crédito, realizar um financiamento e qualquer outro serviço ligado a uma instituição financeira.

Os servidores públicos recebem seus contracheques em suas residências ou eles ficam disponíveis na seção financeira do órgão público, pois é dever do estado fornecer esse documento. Já algumas empresas privadas não fornecem o holerite aos seus funcionários, o que acaba dificultando que eles consigam comprovar seus proventos junto às instituições financeiras. Em muito dos casos a empresa não fornece o documento por falta de informação e por não saber como proceder para confeccionar um contracheque.

Hoje já existem diversos softwares que realizam todo o trabalho de soma, subtração, multiplicação e divisão necessária para confeccionar um contracheque. Alguns softwares muitos bons e também muito simples são o “Folha de Pagamento em Excel” e o “Folha de Pagamento – DQL”, este ultimo é uma versão mais atualizada e mais completa. Esses programas são considerados perfeitos para pequenas e médias empresas e preenchendo apenas alguns dados, você pode emitir o contracheque de seus funcionários. Além de contracheque, com o Folha de Pagamento – DQL você faz Calculo de Férias, 13° salário, Vale transporte e muito mais. Esse programa é gratuito apenas para teste, para fazer o download da versão para teste acesse o site Baixaki, busque por “Folha de Pagamento” e além desse programa uma série de outros aparecerão para download gratuito. Veja a cotação do dólar hoje!

Para pequenas e microempresas também existe a possibilidade de criar uma planilha no programa Excel para fazer o contracheque dos funcionários. Para criar a planilha basta ter alguns conhecimentos sobre as fórmulas de soma, subtração, multiplicação e divisão, e se basear em algum modelo de contracheque. Para criar a planilha você deverá estar atento as deduções obrigatórias como os impostos sobre a folha de pagamento e as deduções voluntárias como assistência médica e odontológica.

Portanto, agora que viu algumas dicas de como fazer um contracheque, não deixe de fornecê-lo aos seus funcionários, pois trata-se do principal documento para comprovação de renda.

Content Protected Using Blog Protector By: PcDrome.